terça-feira, 14 de julho de 2015

Tudo Por Ela

Eddie Cosby é um pop star, reconhecido pela autenticidade, irreverência e estilo. Está sempre criando novos conceitos na arte, desta vez, está eufórico, ansioso, para lançar ao público um (novo single) de hip hop.
A caminho do teatro, ele recebe uma ligação que muda todo rumo daquela noite. A namorada Lika termina o namoro por telefone sem motivo aparente. Ao entrar em cena, não consegue disfarçar sua indignação. A pinta de durão coloca toda comicidade no personagem, que fragilizado, tenta se convencer do fim.

O espetáculo conta com duas músicas de hip hop, que foram escritas por Júlio com parceria do diretor musical DuckJay, que faz parceria nas letras e é responsável pela direção musical. O espetáculo conta também com preparação corporal de Ds Fuel. A cada cidade por onde o espetáculo se apresenta, um grupo de hip hop é convidado para participar do espetáculo, dando uma interatividade para espetáculo e promovendo a arte hip hop.

****
Fomos ver essa peça no Domingo. No Teatro de Paulínia. Sessão 19:30hs.
Sem mais delongas... Não gostamos do espetáculo. Até porque se olharem a sinopse vão perceber que não é bem o estilo meu e do Zé.
Chegou a dar vontade de sair no meio. Como o casal ao nosso lado fez. Só que, para ajudar, sentamos na terceira fileira. Aí fica chato sair sem ser notado.
No geral, eu achei muita apelação, em torno do físico do ator. A mulherada ficava na histeria quando ele evidenciava o corpo.
Do início ao fim, ele interagiu com o público. Mais especificamente com a mulherada. Tinha hora que parecia que não tinha mais assunto.
Com certeza, se tivéssemos comprado os ingressos estaríamos xingando muito. Mas ganhado... Não dá para reclamar.
Para quem gosta de hip hop, dança e homem musculoso. Uma boa pedida. Para quem quer ver e ouvir uma boa história... Melhor deixar para a próxima!

Postar um comentário