sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Cruz Vera - MG



Dia 30/01 fui para Cruz Vera, uma Vila? Sei não? Sei que fica em Paraisópolis-MG. Fiquei na dúvida em como definir Cruz Vera, porque quando a gente vai para lá fala que vai para Cruz Vera e não para Paraisópolis, até então achava que se tratava de uma cidade, mas procurei no Google e não encontrei nada, pode ser que não tenha procurado direito. Também não sou boa de Geografia então não me atento a estas coisas de localização, número de habitantes, etc etc. o que sei é que vamos por Bragança Paulista e uma cidade que sei que passa por ela é "Cambuí", acho que gravei o nome porque em Campinas tem este bairro.rss
Conheci Cruz Vera no carnaval do ano passado, fui com minha amiga Rosileni que nasceu e morou lá, quando vamos ficamos na casa que ela tem mas passamos a maior parte do tempo na casa dos parentes. Gostei tanto que voltei, queria ter voltado antes mas não deu, tenho meus compromissos aqui e falta de costume de ficar viajando (não curto muito) mas vou aprendendo.
Sempre ouvi falar, mas agora pude comprovar o quanto o povo mineiro é acolhedor, eles nem te conhecem direito e te recebem como se fosse da família, eu adorei conhecer todos e já me considero um membro da família, a Rosi bem sabe disso.rss
O que posso dizer de Cruz Vera é que dá pra gente mesmo contar o número de moradores (não que eu vá fazer isso) a maioria parente, tem o restaurante da tia da Rosi que fica na beira da pista, muitos viajantes param ali para descansar e comer. A igreja toca as 6 horas da tarde a Ave Maria, que a gente ouve de casa. E as montanhas? Não subi ainda, mas para todo lado que olha tem verde (eu como uma boa Palmeirense, adoro!), enfim ar mais puro, impossível. Sei que ir para lá é um dar um presente para a mente e para o corpo.
O que fui fazer em Cruz Vera no final do mês: Casamento.
Não pude ir no dia 16 que foi o casamento da Larissa (irmã da Rosi), o que achei uma pena porque adoro ela, queria muito ter ido mas tive problemas de saúde o que me impediu de ir, mas vi pelas fotos que foi tudo maravilhoso! Sei que além da cerimônia que é maravilhosa como vou relatar abaixo, teve o momento em que o noivo (Juninho) canta para a noiva a música "Como é grande o meu amor por você", alguém já viu isso? Veja aqui o vídeo.
Bom eu tinha me programado viajar para Cruz Vera somente no carnaval, mas acabei decidindo na última hora ir, quem casou dia 30 foi a prima da Rosi (Amanda).
Fiquei encantada com a cerimônia religiosa, nunca tinha visto uma cerimônia assim: As músicas foram todas tocadas e cantadas (ao vivo) a voz da cantora era encantadora, o mais interessante é que as músicas eram todas brasileiras e religiosas, dizem uma exigência do padre local. As músicas tinham tudo a ver com o momento. Houve também o momento da entrada da imagem de Nossa Senhora Aparecida, entrou carregada por uma Daminha (muito linda). Isto tudo me tocou a ponto de querer deixar aqui registrado. Sempre percebi nos casamentos que TODOS estão sempre procupados com roupas, maquiagem, decoração da igreja, os vários tipos de instrumentos que vão ser utilizados na cerimônia, etc etc e se esquecem do principal..... que estão ali para receber a benção de DEUS! E que ele é o principal neste evento!! Um detalhe à parte e que emocionou à todos na igreja foi a noiva ter entrado com a filha de 3 meses no colo, realmente diferente!!

Acho que por enquanto, é isso, carnaval vou conhecer um pouco mais e quem sabe conto! rss



p.s.: A igreja da foto é a igreja de Cruz Vera ( a que toca a Ave Maria) ela fica assim, bem no alto mesmo!! Os casamentos da Larissa e Amanda foram celebrados na igreja da cidade de Brasópolis.
Postar um comentário