terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Meu "primeiro" KOBO


Minha história com o Kobo começa assim:

Dia 27/11 às 11:50hs recebo um e-mail do meu futuro marido:
PS.: daqui há alguns (poucos) dias, vou te dar um presente que (acredito) você vai gostar... já encomendei.
comentário: ele fez isso porque eu estava um pouco cansada (devido a semana de provas na faculdade) e um pouco triste e desanimada com o meu trabalho.

Mais tarde às 14:59hs outro e-mail:
O que comprei prá você?... é "surpresa"!! (...rsss!)... não fique ansiosa não... é uma "coisa pequena" (...mas comprada com muito carinho, pensando em te fazer "um mimo"!) comentário: como eu fiquei "um pouco" curiosa, questionei-o sobre o que seria "o mimo".  Por fim até brinquei, perguntei à ele se sempre ganharia um mimo quando estivesse triste.rss

Graças a Deus tinha um fim de semana com viagem marcada que me manteve menos ansiosa.
A encomenda chegou no dia 05/12. Fiquei surpresa (mesmo) afinal não tinha a menor idéia do que seria esse aparelho. Estamos conhecendo o Kobo aos poucos (e a cada dia que passa me apaixono mais por ele), no mesmo dia compramos um livro para ver como funciona e também já baixei um gratuito, comecei a ler e utilizar algumas ferramentas disponíveis.
Pesquisando no google sobre ele, encontrei esta matéria  interessante.
O que sei é que estou adorando esta novidade e o melhor de tudo é saber que vou "carregar" um monte de livros sem peso algum e colocar minha leitura em dia!
Postar um comentário